Kindle Unlimited da Amazon

Sempre pensei que jamais me renderia aos e-books... A sensação de ter o papel entre os dedos me parecia insuperável. Afinal, é fantástico abrir um livro novinho e inspirar aquele perfume de tinta de impressão!
Mas, apesar disso, tive que dar o braço a torcer: ler no iPad é confortável e prático por demais.

No momento estou lendo vários títulos diferentes, trocando entre eles com um simples comando, ao sabor da vontade da hora, e essa liberdade de ter tudo à mão em um lugar só é muito boa.
Compro meus e-books na Amazon, que tem preço bom e entrega super confiável e instantânea. Devido a isso me filiei ao programa Kindle Unlimited da Amazon - se você ama livros isso pode lhe interessar. Já conhece?

Por um custo de R$19,90 mensais você fica sócio desse "clube do livro digital" que disponibiliza mais de um milhão de títulos para serem baixados no seu leitor de texto preferido.

O empréstimo máximo é de 10 livros baixados. Dessa forma, passando de 10 itens você tem que devolver alguns já lidos para retirar outros. Mas isso não é problema pois até seus grifos de texto ficam preservados no sistema caso você queira retirá-lo novamente para reler.

Por alguns meses fiquei sem baixar nada e comecei a achar um desperdício estar filiada a algo que me cobrava R$19,90 quer eu utilizasse, quer não. Ponderei parar com o programa e descobri que o descadastramento é rápido, fácil e feito no próprio site do Amazon, sem necessidade de explicação ou de falar ao telefone (o que detesto). Fiquei bem impressionada com o sistema nada burocrático e ele ganhou minha simpatia pela transparência.

Na hora H acabei desistindo de cancelar, me interessei por alguns livros e vi que, pelo custo de um único e-book de título recém-lançado [estão custando em torno de R$20-25], empresto um número ilimitado de títulos igualmente interessantes.

Então, fica a dica: se você lê muito e gosta de livros em formato digital, o Unlimited pode ser uma boa opção.

Comentários