Os convites do Espírito são sempre sutis


Carlos Castaneda, antropólogo, tornou-se seguidor das tradições xamânicas dos índios yaqui, norte americanos. Narrou suas experiências em 12 livros fantásticos que trazem uma visão ampliada do mundo e da realidade. Ele tinha um total compromisso com a Vontade, o Intento.

Atenção: aqui não estamos falando da nossa velha conhecida vontade de dormir, de comer chocolate, de viajar, etc.

A Vontade à qual Castaneda se refere é parte da nossa natureza completa, vem do nosso corpo energético, nossa parte que nos permite acessar conhecimentos mais elevados do que aqueles que acreditamos ter.

A Vontade-Intento se manifesta de maneira curiosa. São solicitações, oportunidades que percebemos quando estamos em um estado de não-resistência, quando seguimos o fluxo da energia. São coisas que parecem pequenas no início, mas que podem mudar o curso da nossa vida.

“Os convites do Espírito são sempre sutis”, dizia ele.

Se estivermos aferrados a velhos padrões de pensamento, se não estivermos energeticamente disponíveis para percebê-los e aproveitarmos a ocasião, esses convites passarão. O que é uma pena, pois a Vontade-Intento traz consigo a possibilidade de aprender algo novo, de realizar, de ter clareza de propósito. É uma oportunidade que não vem do desejo do ego.

Como acordar essa Vontade?
Uma das maneiras é lembrar constantemente quem somos: seres luminosos, plenos de energia que pode ser transformada e canalizada para diferentes realizações. Lembrar que vivemos em um mundo de mistério e que não é necessário entender linearmente a profundidade desse mistério, mas apenas nos posicionarmos como parte integrante dele para manifestarmos todas as nossas potencialidades.


Sobre Being Energy
Being Energy é um sistema de movimentos, respiração e meditação fundado por Aerin Alexander (especialista em fisiologia e Feldenkrais) e Dr. Miles Reid (médico, mestre em medicina chinesa) que integra as novas descobertas da ciência e da medicina e a antiga sabedoria dos Xamãs. Ambos foram discípulos de Carlos Castaneda e receberam diretamente dele esse conhecimento. 
______________________________________________________________________________________
  

Texto de Marise Ribeiro: professora e tradutora de Francês, instrutora de Being Energy

Comentários