Livro: Nu, de Botas



Antonio Prata é filho de Mario Prata, reconhecimento romancista, autor de telenovelas e de peças de teatro. E, pelo visto, Antonio herdou a verve do pai.

Neste livro ele conta histórias de sua infância, muitas delas engraçadíssimas, como a que fala sobre seus animais de estimação. Imagine um papagaio que toda madrugada tenta se suicidar se atirando do poleiro... E por aí vai.

Demorei para engrenar a leitura, não porque ela fosse penosa ou difícil, e sim porque cutucar traumas e desastres da infância têm para mim um gosto muito mais acre do que doce. Mas ele se sai bem na empreitada e há partes impagáveis.

Leia para se distrair.

Comentários