Pular para o conteúdo principal

Comprei em Miami II

Antes de viajar para Miami pesquisei os sites das lojas que gosto e de outras recomendadas por blogueiras que sigo. Deixei pré-escolhidos vários itens para decorar, para presentear e para me mimar.

O que trouxe para casa

From Amazon.com
Já viram como tem mil coisas no site gringo, muitas exclusivas, legais, mas que eles não entregam no Brasil? 
Aqui em casa já é hábito fazermos pedido para a Amazon uns dois dias antes de embarcarmos, dando o endereço do hotel que ficaremos - dessa forma não corremos riscos com os prazos de entrega, que costumam ser bem dilatados.

Desta vez encomendei duas coisas que eu estava namorando há uns anos e que, sem dúvida, foram os pontos altos das minhas comprinhas nerds:
Um poster representando o 10° Doctor Who (meu preferido de sempre) 
com suas palavras e frases mais marcantes. Tamanho: 46 x 61 cm

Adesivo gigante para colar diretamente na parede.
Tamanho: 107 x 56 cm
Este é um decal de vinil em formato de Tardis com a explicação do 10° Doctor sobre o que é o tempo (frase que todos os Whovians de carteirinha conhecem by heart).
AMEI AMEI AMEI 

From Anthropologie
Nunca deixo de visitar a Anthrop quando vou aos EUA - eles têm a coleção mais linda do mundo de objetos com detalhes inesperados de todos os tipos, vão desde roupas até artigos fofos de cozinha e papelaria.

Escolhi com antecedência vários itens para ver in loco, mas infelizmente as lojas físicas estavam bem desabastecidas: visitei duas e só encontrei uma parte do que esperava ver.
E, lamento dizer, nem tudo é de boa qualidade - fique alerta quando for comprar. Se tiver tempo, leia antes os comentários sobre os produtos.
Bowls de metal tintado: 
Comprei quatro bowls pensando em usá-los para servir sorvete e similares.
Entretanto, eles são mais frágeis do que eu esperava e acho que só comportam petiscos como nozes, passas, porções de frutinhas, etc., para não riscá-los com o uso de talheres.
Por enquanto estão na minha escrivaninha guardando brincos e pequenos objetos.
São produzidos na Índia e são incrivelmente lindos!

Pratinhos para anéis, correntes, etc.:
Fui empolgada para comprar o da pratinho da França e o de Londres, pois sabia que agradariam em cheio duas pessoas queridas. 
Chegando lá, no entanto, só encontrei meia dúzia de peças representando New York, nada mais.
Não tinha intenção de comprar para mim, porém, quando peguei na mão e vi os detalhes, não resisti...
Fofo, né?

Power bank estampado:

Sei que é uma bobagem gastar $ com uma coisa são comum, mas as padronagens me encantaram! 
Infelizmente ele não tem boa qualidade: demora horas carregando e outras horas mais transferindo energia para o celular, em ritmo de bicho-preguiça.
Serve para uma emergência, mas não é nem de longe o que eu esperava. :(

Letra decorativa:
É linda e super decorativa 💛
É a segunda vez que encontro essas letras na Anthropologie, e desta vez saí de cima do muro e comprei um D.

Velas:
As velas são Voluspa, e tem uma mais linda que a outra - e os aromas são ótimos. Comprei um kit com três para presentear uma amiga. Pena que é algo que pesa na mala, gostaria de ter trazido algumas para mim também, mas não arrisquei.

From S'well
Essa é a marca desta garrafa térmica divina de linda! Já fazia tempo que eu queria uma garrafa para manter a água sempre fresca, mas não gostava de nada que via: algumas com cara de garrafas para café, outras com logos de material esportivo, nada combinava comigo. 
Já tinha até esquecido o caso quando encontrei esta na J.Crew. Foi uma sorte! Tinha entrado somente para olhar as novidades e, quando a vi, foi amor instantâneo. Ela é de aço inoxidável, tem excelente vedação e a cor é um incrível degradé de azul para verde, e depois para rosa. É simplesmente maravilhosa! Super recomendo (volume: 500ml).

Este também foi comprado por puro acaso: estava acompanhando meu filho na Banana Republic quando vi um sweater leve, verde-oliva / militar, num tom lindo (é, eu sei que ele não saiu bem na foto, rsrs).
A composição é 80% seda com 20% algodão. Já usei-o inúmeras vezes, combina mega bem com os tons de rosé que gosto e tem uma capacidade térmica ideal para São Paulo.
 
E aí, gostaram do conjunto da obra?

Comentários

  1. Eu não conheço os EUA, mas quando conhecer quero ir na anthropologie. sigo o perfil do instagram da marca e sou apaixonada! amei suas compras.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, querida! A Anthropologie é mesmo de babar. Vale a pena programar sua visita. Beijos

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas

Minimalismo por que?

Fui atraída pelo assunto Minimalismo após ler posts de moda que tratavam sobre consumo excessivo e ter ficado refletindo sobre a grande relevância desse assunto. Em seguida me empenhei na leitura de diversos blogs sobre o tema.
O interesse por algo diferente do seu cotidiano não acontece do nada: alguma coisa está mudando em você, ou lhe incomodando, criando a necessidade de transformação, de outro enfoque.
No meu caso, vejo agora, duas correntes complementares causaram isso: meu amor por organização + o desagrado com a maioria das compras de roupas que eu vinha fazendo.
O método da Marie Kondo ajudou a destralhar meu guarda-roupa e escritório. No entanto, ainda falta... Sinto que posso fazer melhor, que há mais a ser retirado das estantes. E a quantidade absurda de roupas que foi removida do armário, muitas delas sem uso, fez com que eu tivesse de encarar de frente que meus hábitos de consumo estavam equivocados [para falar o mínimo].
Ou seja: cansei de lutar para manter a organizaç…

Julho sem Desafio

De uma hora para outra me vi precisando muito de itens que não tinha, e os culpados disso são:
frio!!! Este ano o frio pegou mesmomudança de pesoreposição de lingerie e de camiseta para dormirmãe querendo iPad Depois de constatar o acima, e mesmo sendo as substituições liberadas do Desafio, achei melhor fazer uma pausa para resolver definitivamente tudo o que era preciso.


❄ O frio me pegou de surpresa, descobri que não tinha mais que uma malha de cashmere e as camisetas de manga longa eram fininhas, ou seja: não dava para sobreviver só com isso nesta temperatura baixa -- pelo menos não de uma forma fashion.
Esta época é conhecida pelo look cebola: tudo usado junto, roupa em cima de roupa, na tentativa de se agasalhar ao máximo. Não gosto desse método, muitas vezes as peças não combinam nada entre si e o resultado é, para dizer o mínimo, bem ruim.
Entendem o que digo?
Depois de malhas, outra substituição necessária: calças jeans. Emagreci um pouco e elas ficaram largas na cintura e sobra…

Dicas de presente para terceira idade - I

I- Para uma senhora idosa ativa

Pessoas mais idosas são difíceis de presentear pois os itens escolhidos têm que ser muito bem pensados para que não se tornem mais um estorvo dentro da casa ou do armário.
Vale aqui a mesma coisa que pensamos quando estamos procurando algo para alguém mais jovem: qual a rotina da pessoa? qual seu hobby? do que ela gosta mais?

Para as pessoas da terceira idade que mantém rotina agitada as opções são maiores. Sei disso porque meus pais têm quase 90 anos e são super ativos, viajam, lêem, assistem filmes. Sempre mais fácil presentear nesses casos. Com quem você tem intimidade estão liberados os itens de MODA como roupas, bolsas e sapatos. Aqui seguem ideias para presentear uma idosa ativa, porém não tão íntima para escolhermos os itens acima.


Colares
Adoro senhorinhas com muitos colares ou com peças bem coloridas. É uma época da vida em que você não tem que seguir moda, você FAZ sua moda.   Este acima seria perfeito para minha mãe, que gosta de cristais e br…

Casa Mathilde em Moema

A sede da tradicional Casa Mathilde, doçaria portuguesa, fica próxima à estação São Bento, no Centro de São Paulo. Ocupando o endereço do antigo Fasano, é um lugar charmoso, com um balcão enorme cheio de opções de doces.

Ali as possibilidades vão muito além dos tradicionais Pastéis de Santa Clara/ Pastéis de Nata. São bolos, tortas e doces portugueses que não se encontram em nenhum outro lugar, e que competem pela nossa atenção.
A dificuldade é escolher. =D


Apesar de todos esses atributos, nem todo mundo tinha disposição de ir ao velho Centro em busca de seus doces. Mas agora, a boa notícia: a Casa Mathilde abriu uma filial na Avenida Ibirapuera, no bairro de Moema!

Av. Ibirapuera, 2082 (em frente à Igreja N° Sra. Aparecida, Jd de Moema)
Domingo a Quinta, das 9h às 20h. Sexta e Sábado, das 9h às 23h. 
Estacionamento na porta, com manobrista. 

Estive lá no domingo. É um espaço agradável, organizado, bem iluminado. Estava absolutamente lotado, com fila até para escolher um doce no balcã…

Destralhe digital e real

Que incrível que é mudar os parâmetros que nos acompanharam a vida inteira, não é? Ultimamente só consigo pensar em diminuir meus pertences, exatamente o contrário do que sempre fiz.


Em Maio eu estava aqui reclamando da dificuldade que estava enfrentando para deletar arquivos no computador. Update: O destralhe digital ainda está acontecendo, mas a passos de tartaruga...
São dias e dias focada em textos, em dígitos, sentindo que estou sempre na mesma: o que eu limpei ainda é muito pouco frente ao montante de arquivos.

E acho que foi isso que me fez acordar uma manhã animadíssima para destralhar objetos.
Coisas palpáveis são muito mais fáceis de limpar, e ainda se vê claramente o resultado (ao contrário do digital).


Comecei juntando todos os meus cosméticos e afins, que estavam distribuídos por 4 lugares diferentes (olha só que coisa mais errada! 😱). Sentei no chão com eles e todos passaram por uma inspeção minuciosa:
(i) validade definida pelo fabricante,
(ii) validade do produto dep…